21 abril, 2015

Café Luso

Esta review poderia resumir-se mais ou menos assim: que noite incrível!
Eu confesso, que nunca me considerei uma grande apreciadora de fado e muito menos de folclore, mas tenho a dizer que saí do Café Luso completamente rendida, garanto-vos que só pelo espectáculo vale a pena a visita.


Com uma excelente localização no coração de Lisboa, pertissimo do Chiado e practicamente a 2 passos da Adega Machado, possui uma arquitectura encantadora e um ambiente sofisticado e acolhedor.

O atendimento é formal, mas sem ser frio ou distante, atento e amável, sem ser intrusivo.
Chegámos pelos 20h15 e a casa estava cheia, o espectáculo teve inicio no palco principal pelas 20h30 dividindo-se entre várias danças de folclore e as actuações de vários fadistas, com pequenas pausas pelo meio, durando quase por 2 horas e depois pelas 22h30 inicia-se uma 2ª parte noutra área mais pequena, criando um ambiente intimista. Como a nossa mesa era perto do palco, tiveram a gentileza de nos preparar outra mesa onde podíamos ver mais de perto a 2ª parte do espectáculo.

Tal como na Adega Machado, podem fazer o pedido dos pratos individualmente ou pedir um dos diversos menus pré-definidos já com entrada, prato e sobremesa. 
Para mim, escolhi o menu D e ele quis o menu F, que ambos acompanhamos com vinho tinto Fado.
A minha entrada, crocante de batata, mousseline de alheira e coulis de tomate seco, era pequena em tamanho mas grande em sabor, tal a deliciosa combinação, uma pequena explosão de sabor na boca! A dele, uma salada quente de polvo, com puré de castanhas e crumble, surpreendeu-me pela positiva já que nunca imaginei que polvo e castanhas pudessem combinar tão bem.

Passámos aos pratos principais: naco de vaca com batatas fritas com ervas e creme de alho, a carne perfeitamente cozinhada, tenra e ainda rosada ao centro, as batatas bem temperadas e saborosas; e as plumas de porco com abóbora e puré de tomate e batata, as plumas tão tenras que parecia manteiga.
Terminando com as sobremesas, que quando  chegaram à mesa nos surpreenderam quer pela apresentação, quer pelo aroma doce e tentador.

As escolhidas: pão-de-ló, sorbet de ananás e espelho de rum com creme de coco, adorei pelo contraste de sabores entre a suavidade do pão-de-ló, o exotismo do rum e coco e a frescura do sorvete; e brownie de chocolate, coulis de morango e gelado de mousse de morango, onde o destaque é certamente para a brownie preparado com chocolate preto e branco e por isso, deliciosamente decadente!


Recomendo vivamente a todos aqueles que nunca tenham estado numa casa de fados ou que queiram visitar uma casa de fados com um espectáculo de enorme qualidade.

3 comentários:

  1. Marisa,
    delícia de relato e pratos tbm!
    Esse tipo de restaurante me agrada e muito!

    Bjs ♥

    ResponderEliminar
  2. O lugar parece ser bem aconchegante e os pratos deliciosos!!!
    Beijokas da Camila e Carol
    http://www.vamospapear.com/

    ResponderEliminar
  3. Polvo com castanha, realmente nunca imaginei!
    Este tipo de espetáculo até é giro, deve ser agradável :)

    ResponderEliminar