08 setembro, 2015

Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau

A Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau foi inaugurada no dia 4 de Maio, na Rua Augusta em plena baixa lisboeta, tendo como produto estrela o pastel de bacalhau com queijo da serra.  
Maria de Lourdes Modesto, chamou-lhe uma obscenidade e os portugueses (e também os estrangeiros) acorreram para verificar se era caso para tanta polémica...
Respeito a nossa gastronomia nacional, tão rica e deliciosa, mas acho que deve existir sempre espaço para fazer algo diferente... basta para isso pensar que no dia-a-dia nas nossas cozinhas, fazemos várias versões à brás, à lagareiro, de feijoada, de cataplana, e isto sem falar de todas as versões contemporâneas que se fazem nos restaurantes. O facto de este produto ser uma novidade não tira o mérito à receita tradicional de pastel de bacalhau que todos conhecemos.
Sinceramente, a meu ver, a única obscena é mesmo o preço do pastel de bacalhau! 


Quando passei à porta desta casa do pastel de bacalhau pouco depois de ter aberto recentemente, não pude evitar de rir... Quer dizer, o sítio é de um tal espalhafato, tão piroso, que se torna engraçado! Mas vinha de um brunch como tal, não tinha espaço para aquele pastel "mutante".

Num dia de passeio pela baixa, decidimos comprar um para dividirmos.
Reparámos que já não tinha a música a altos berros e nem os outdoors na janela, logo aí foi uma melhoria, mas o espaço continua a ser piroso: muito dourado, muito plástico... muito "falso". Mas realmente para o turista é fantástico já que faz belas fotos! 

O atendimento foi muito simpático, estava muito calor mas não havia água fresca, a funcionária prontamente me trouxe um copo cheio de gelo.
As funcionárias que preparavam os pastéis eram uma simpatia, sempre prontas a dar um sorriso e fazer uma pose para as fotos!

O pastel é caro, mas é enorme, dá perfeitamente para dividir por 2, além do mais há que pensar que quer o bacalhau quer o queijo não são dos produtos mais baratos do mercado.
Quanto ao pastel em si, polémicas à parte, é bastante bom! Por fora, perfeitamente dourado, sem estar gorduroso, e por dentro na 1ª dentada só vem bacalhau e parece insonso, mas quando começa a surgir o queijo (derretido e quente) percebemos que o bacalhau não podia mesmo ter mais sal, eu pessoalmente gosto da combinação bacalhau/queijo. 
Como se costuma dizer: primeiro estranha-se e depois entranha-se!

Vi os turistas a comer com deleite, alguns até a repetir, esta pode não ser a receita tradicional mas é saborosa e é interessante enquanto experiência, sinceramente por mim até podem fazer mais versões de pastel de bacalhau... ou não houvessem 1001 maneiras de cozinhar bacalhau! 


Click to add a blog post for Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau on Zomato

10 comentários:

  1. Concordo contigo! Nao vejo grande mal em adaptar receitas tradicionais. Compreendo o ponto de vista da Senhora mas pior seria se tivessem combinado o pastel com produtos estrangeiros, o que nao foi, de todo, o caso. E isso nao tira merito ao tradicional, trata-se apenas de uma variante. Que tem muito bom aspeto! Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Mas que bem amiga, acho que não tinha ouvido falar nesta casa bem portuguesa, gostei tanto, obrigada. Bjokitas

    ResponderEliminar
  3. Adorei conhecer este cantinho,...da casa portuguesa do pastel de bacalhau!
    Deve ser bom,...com o queijo a derreter!
    Beijinhos,
    Espero por ti em:
    http://strawberrycandymoreira.blogspot.pt/
    www.facebook.com/omeurefugioculinario

    ResponderEliminar
  4. Hummm adorava come rum pastel desses.

    Beijinhos,
    Clarinha
    http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2015/09/festa-regresso-as-aulas-e-um-mix-de.html

    ResponderEliminar
  5. Eu tou cheia de vontade de provar!!!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Ora aqui está um post que gostei de ler Marisa!!
    Adoro criticas construtivas e sem serem influenciadas pela opinião de "famosos"!!
    A pirosice da decoração de que falas, secalhar está dentro do espírito do kitsch, ou seja, piroso com estilo, será?...
    Bom, fiquei curiosa e vou ter de provar esse pastel de bacalhau.
    Um beijinho,
    Lia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinceramente, acho que é mais para chamar a atenção do turista, mas sim é um piroso engraçado :)

      Eliminar
  7. Também acho que dizer tal coisa de um pobre pastel de bacalhau com queijo é exagerado, as reinvenções do tradicional estão sempre presentes. No cinema especialmente, já estou farta das novas capuchinhos, cinderelas, etc. :P
    Nunca experimentei a junção do bacalhau com queijo, mas os pastéis estão engraçados e parecem bons! É verdade que não são ingredientes baratos, mas ao ver o preço quase me saltaram os olhos. Devem ter um lucro... :P
    Haha, achei piada à tua descrição da decoração. Realmente há coisas exageradas neste mundo. :P

    ResponderEliminar