18 agosto, 2016

Cabo Verde - ilha da Boavista #2

Como é que eu posso resumir os dias que passámos na ilha da Boavista?! Boa comida, boa bebida, boa praia e boa gente, sem dúvida que superou todas as nossas expectativas!
É o destino ideal para quem procura férias relaxantes, sem stress e longe dos grandes centros turísticos. Sol, mar e praia constituem os maiores atractivos desta ilha, para além da gentileza da sua população e da gastronomia local, tipicamente cabo‑verdiana e reforçada pela abundância de peixe e marisco. 
Sem dúvida que a escolha do hotel é importante, não estamos a falar de uma estadia de 2 ou 3 noites, mas sim de uma semana completa, onde vão passar bastante tempo, desde dormir, ir à praia, fazer as refeições, entre outras actividades. A ilha da Boavista ainda é pouco explorada pelo turismo, já que tem imensas áreas protegidas, mas existem 3 hotéis mais "concorridos": Iberostar Club Boa Vista (o nosso eleito!), Royal Decameron (mesmo ao lado) e o RIU Karamboa.




Qualquer que seja a vossa escolha de hotel, recomendo que escolham um que disponibilize o regime de TI (tudo incluído), onde terão todas as refeições e bebidas incluídas, assim não têm necessidade de se deslocar a Sal Rei ou outras povoações para fazer as refeições.


O hotel encontra-se junto à Praia de Chaves, cercado por uma paisagem natural lindíssima.
O transfer do aeroporto para o hotel é feito em autocarro, demora apenas 20 minutos e à chegada existe todo um ambiente de festa: música, dança e um bebida fresca enquanto o check-in é feito.
O staff da recepção é eficiente e falam várias línguas, incluído o português, é entregue um mapa do resort, cartão de acesso ao quarto, cartão para as toalhas de praia e senha de wi-fi.


O hotel tem categoria de 5 estrelas, com uma construção a fazer lembrar uma pequena vila com casinhas alinhadas pelas várias ruas, cujos números correspondem aos quartos.
Os quartos são bastante espaçosos, todos possuem varanda com mesa e cadeiras, tv por satélite, ar-condicionado, mini-bar, secador de cabelo e todas as facilidades que se espera encontrar num resort. Para além disso, todos os dias o quarto era impecavelmente limpo, a água engarrafada reposta no mini-bar, as toalhas mudadas... também todos os dias nos deixavam uma toalha na cama com formas diferentes (um coração, um cisne, etc) e flores. 



O hotel possui 2 restaurantes e diversos bares.
O restaurante principal onde são servidas as refeições principais: pequeno-almoço, almoço e jantar, sempre em estilo buffet. A comida é muito bem confeccionada e os pratos vão sempre alternando, vão encontrar pratos bem familiares como empadão, bacalhau com natas ou cozido à portuguesa, massas e pizzas, carne e peixe grelhados no momento, assim como pratos vegetarianos, batata doce, sopa, muitas saladas e fruta fresca, doces e gelados. Quanto às bebidas, à entrada do restaurante todos os dias ao jantar nos serviam um aperitivo diferente perfeito para começar a refeição e provar algumas das bebidas locais, e estão ainda disponíveis vinho, cerveja, água, sumos e refrigerantes
O restaurante temático está disponível por marcação ao jantar e oferece um menu de degustação de vários pratos. É evidente que existe mais cuidado quer na sala, quer no atendimento e apresentação da comida. O menú era composto por 5 pratos, saborosos e bem apresentados, embora nada de inovador ou surpreendente, acho que seria muito mais interessante se servissem comida típica do país.
O bar da piscina tem vários snacks e pratos mais leves, como pizzas, hambúrguers, tostas, etc e várias bebidas e cocktails disponíveis.
O bar de praia oferece vários cocktails e snacks frios, aos domingos serve um churrasco ao almoço.
Existe ainda bar no lobby, o theatre bar que funciona nos dias de espectáculo e a discoteca que funciona 4 dias por semana.
Nunca esquecer de consumir apenas a água engarrafada, que têm sempre disponível no quarto e que podem solicitar em qualquer um dos bares ou na recepção.


Destaque para a equipa de animação que é fantástica! 
Podem participar em algumas actividades como hidroginástica, polo áquatico ou voleibol, futebol, bingo, tiro ao alvo, jogos de cartas e muito mais. 
A mesma equipa de animação apresenta diariamente espectáculos de teatro, dança ou comédia, no anfiteatro. Simpáticos, cheios de energia e sempre muito divertidos.
O hotel também dispõe de spa e ginásio.



Para quem prefira piscina, existem 3: uma para crianças, uma maior e outra mais pequena com uma vista belíssima para a Praia de Chaves.
Existe acesso directo à Praia de Chaves, onde existem muitos chapéus e espreguiçadeiras, o areal é extenso, água límpida... convida a dias preguiçosos banhados pelo sol e a caminhadas pela praia.
Na ilha da Boavista, e em Cabo verde no geral, existe sempre vento... não se preocupem, é esse vento que na maioria das vezes garante que consigam estar ao sol a bronzear e por isso até se torna agradável já que ajuda a suportar o calor.
Não se preocupem com as tolhas de praia, podem trocar sempre que queiram: entregam as usadas e recebem as novas.
Grande parte dos hóspedes tem o péssimo hábito de deixar toalhas a reservar as espreguiçadeiras... o problema não é tanto o reservarem, é o fazerem e depois não aparecerem todo o dia! Nós nunca tivemos problema em arranjar espreguiçadeiras em qualquer horário, na praia ou na piscina, mas se tiverem dificuldade falem com o staff que eles tratam do assunto!




No próximo e último post, vou falar-vos sobre os pontos de interesse e o que podem visitar!

10 comentários:

  1. Gostei muito do post! O hotel parece-me fantástico. Adorei o pormenor das toalhas com feitios diferentes :P

    ResponderEliminar
  2. Se for a essa ilha já sei onde ficar, fiquei convencida com o teu post! :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se voltar à Boavista é certamente a minha escolha!

      Eliminar
  3. Adorei o seu report ☺�� Em Setembro vou para este mesmo hotel e tenho a dizer que estou muito aliviado por saber que e bom Obrigado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pelo que percebi havia hóspedes que já era a 2ª e 3ª vez que ficavam naquele hotel, por isso acho que vai ficar muito satisfeito!
      Não deixe de experimentar um mojito e uma caipirinha caboverdiana ;)

      Eliminar
  4. Marisa quando fui a Cabo Verde fiquei mesmo nesse Hotel. O único ponto negativo que tenho a apontar é a constante falta de corrente eléctrica e da água. Felizmente foi uma situação pontual e que em poucos dias se resolveu. De resto tudo fantástico.
    Que saudades..... :)
    Bjinhos

    Bimby & Sabores da vida

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não fazia ideia! Quando lá estive, uma vez à noite o quadro eléctrico foi abaixo mas só por alguns segundos e não voltou a acontecer, quanto à água nunca faltou felizmente.
      É um sítio que deixa mesma saudades!

      Eliminar
  5. Adorei o hotel, a ilha e o staff é mesmo assim uma coisa maravilhosa. Faz com que fiquemos ainda com mais saudades.

    ResponderEliminar