23 dezembro, 2014

Um Feliz Natal

Boas Festas e até já!



Tábua de Natal Boursin

Quem visita o blog já sabe o quanto eu sou uma apaixonada por queijos!
Quando recentemente surgiu o convite para participar num desafio da BEL Portugal relacionado com os queijos Boursin, criando uma tábua de Natal original e sofisticada, mesmo sendo esta uma época mais atarefada não pude deixar de aceitar.
Adoro servir petiscos aos meus convidados e tento sempre surpreender com alguma receita diferente, por isso esta tábua com vários componentes, todos eles deliciosos e simples de elaborar. O objectivo é claro: impressionar, mas sem ter de fazer um enorme esforço ou estar uma manhã inteira na cozinha.
Os queijos são imprescindíveis e o pão também não pode faltar, quis apresentar o presunto de uma forma diferente, temos os clássicos frutos secos, as azeitonas, tomate cereja e depois algo diferente que são os ovos de codorniz e as tâmaras com bacon.
Para um sabor mais fresco, recomendo uma fatia de pão barrado com Boursin alho e ervas com tomate cereja, se preferirem um sabor mais intenso temos os grissinis com presunto e Boursin pimenta preta a que podem juntar os ovos de codorniz e para rematar umas tâmaras com bacon, mel e flor de sal que são uma pequena gulodice.


Ingredientes:
Queijo Boursin Alho e Ervas
Queijo Boursin Pimenta Preta
Tomate cereja
Nozes
Ovos de codorniz
Azeitonas marinadas
Tâmaras com bacon
Grissinis com presunto
Pão de Mafra
Baguete


Ingredientes para as tâmaras com bacon:
1 embalagem de tâmaras sem caroço
200g bacon em fatias
Mel
Flor de sal

Ingredientes para as azeitonas marinadas:
75g azeitonas verdes
75g azeitonas pretas
1 c. sopa azeite
1 c. chá oregãos

Ingredientes para os grissinis com presunto:
Boursin Pimenta Preta
12 grissinis
200g presunto em fatias


Preparação das tâmaras com bacon:
- Pré-aqueça o forno a 180º.
- Corte cada fatia de bacon ao meio, envolva cada tâmara no bacon e coloque num tabuleiro próprio para forno. Repita até acabarem as tâmaras e o bacon.
- Leve ao forno durante cerca de 10 minutos.
- Retire e por cima deite um pouco de mel e polvilhe com flor de sal.
- Sirva quente.

Preparação das azeitonas:
- Escorra as azeitonas e coloque-as numa taça.
- Misture com o azeite e os oregãos.
- Reserve no frigorífico até ao momento de servir.

Preparação dos grissinis com presunto:
- Barre cada grissini com um pouco de queijo Boursin Pimenta Preta.
- Envolva uma fatia de presunto em cada grissini.


Dica:
Podem usar outros frutos secos ou rechear as tâmaras com noz ou amêndoa.
Caso pretendam uma tábua mais doce, podem substituir o tomate por fruta (por exemplo, uvas) e juntar uma compota.

22 dezembro, 2014

Manteigas aromatizadas

O Natal está mesmo a chegar e por isso a sugestão de hoje é uma entrada simples, que vai certamente dar um pouco mais de brilho e novidade à vossa mesa.
Podem facilmente fazer a vossa própria manteiga caseira, mas como cá por casa usamos pouco raramente faço, às vezes quando tenho convidados gosto de servir algo diferente e rápido vou ao frigorífico buscar a manteiga e misturo com ervas aromáticas ou especiarias.
Um dos meus ingredientes preferidos é que uso frequentemente é a malagueta, mas é preciso algum cuidado quando se mexe com elas. Depois de retirar as sementes ou picar, é necessário lavar muito bem as mãos, às vezes várias vezes se for muito picante e nem sempre é suficiente... por isso, recomendo que usem as luvas multi sensitive, são higiénicas e muito finas, não prejudicam a sensibilidade e não provocam alergias, são perfeitas para usar na cozinha.



Ingredientes para a manteiga de malagueta e coentros:
125g manteiga com sal Lacticínios do Paiva
½  c. alho em pó
5g a 10g coentros
1 malagueta vermelha, fresca, sem sementes

Ingredientes para a manteiga tikka masala:
125g manteiga com sal Lacticínios do Paiva
5g a 10g coentros
1 a 2 c. chá tikka masala Aromas Especiarias

Luvas Multi Sensitive Vileda



Preparação:
- Colocar a manteiga à temperatura ambiente no dia anterior.
- Picar os coentros e a malagueta.
- Numa taça, bater os ingredientes para cada manteiga.
- Servir de imediato ou colocar num recipiente próprio e manter no frigorífico até ao momento de servir.


Preparação Bimby:
- Coloque no copo todos os ingredientes para cada manteiga e programe 5seg, Vel 7.
- Retire e sirva de imediato ou coloque num recipiente próprio e mantenha no frigorífico até ao momento de servir.



Dica:
Se quiser, pode substituir a malagueta por pimento vermelho de conserva e o tikka masala por garam masala ou caril.

19 dezembro, 2014

Cupcakes Vahiné

Eu acho que actualmente já me posso orgulhar e ficar vaidosa q.b. com algumas das sobremesas que já consigo fazer. Afinal de contas, eu era aquele tipo de pessoa que nunca fazia sobremesas ou quando fazia raramente saía alguma coisa de jeito, principalmente os bolos!
Ainda assim e certamente estando longe de ser a maior especialista em bolos e similares, sempre fiz as minhas receitas de raiz... nunca fui uma apreciadora da utilização de preparados. Mas quando a Vahiné me enviou alguns produtos novos, entre eles um preparado para cupcakes, decidi que devia dar-lhe uma oportunidade. E ainda bem que o fiz, porque ficou delicioso: a massa é muito saborosa, não tem um sabor artificial, e os cupcakes ficam muito fofos e leves! Para além de ser muito prático, podem sempre juntar outros ingredientes à massa, eu optei por aroma de limão porque gosto da conjugação do limão com o chocolate.



Ingredientes:
1 embalagem de Base para Cupcakes Vahiné
3 ovos
125g manteiga ou margarina
1 c. chá aroma de limão Vahiné
1 c. sopa de água
1 embalagem de Chocolate pronto a fundir Vahiné
Multi-Deco Vahiné q.b.
12 formas de papel para queques


Preparação:
- Pré-aqueça o forno a 180º.
Deite o preparado para cupcakes num recipiente e junte os ovos, o limão,  a manteiga e a água. Bata bem até ficar uma massa leve e cremosa.
- Distribua pelas formas de papel, até 2/3 das bases.
- Leve ao forno durante cerca de 20 minutos ou até terem crescido e estarem firmes ao toque.
- Retire do forno e deixe arrefecer completamente.

- Para a cobertura, derreta o chocolate em banho maria ou então coloque a embalagem no microondas seguindo as instruções.
- Com uma colher coloque um pouco do chocolate derretido em cima de cada cupcake e depois polvilhe com as pepitas multicores do multi-deco.


Preparação Bimby:
- Pré-aqueça o forno a 180º.
Deite o preparado para cupcakes no copo da Bimby e junte os ovos, o limão,  a manteiga e a água. Programe 2min, Vel 3.
- Distribua pelas formas de papel, até 2/3 das bases.
- Leve ao forno durante cerca de 20 minutos ou até terem crescido e estarem firmes ao toque.
- Retire do forno e deixe arrefecer completamente.

- Para a cobertura, derreta o chocolate em banho maria ou então coloque a embalagem no microondas seguindo as instruções.
- Com uma colher coloque um pouco do chocolate derretido em cima de cada cupcake e depois polvilhe com as pepitas multicores do multi-deco.

18 dezembro, 2014

Borner cortador de legumes

A empresa alemã, com mais de 55 anos de existência e presente em Portugal há mais de duas décadas, comercializa uma prestigiada gama de cortadores.


As mandolinas Borner são ferramentas indispensáveis em qualquer cozinha do século 21. A qualidade alemã patente nos materiais e na concepção dos utensílios garante-lhe um investimento para longos anos. Destaque para o facto de que toda a produção da marca obteve a certificação TUV GS, sinonima de qualidade e segurança de utilização.


Quem acompanha o blog certamente se recorda que recentemente sofri um acidente com a minha mandolina, infelizmente é tipo de acidentes que às vezes acontecem na cozinha, nada de traumas!
Depois de ver o vídeo de demonstração, os vários tipos de corte, etc e ver como funciona o encaixe de segurança, fiquei quase convencida... totalmente convencida fiquei depois de experimentar como pode ver aqui!  Transformei 4 laranjas em rodelas finas em segundos, senti bastante mais segurança e facilidade no corte do que com qualquer outra mandolina que já tenha experimentado.

Podem encontrar os produtos da marca à venda em feiras e exposições, também têm à disposição a loja online.

Muffins de fiambre e cogumelos

Esta foi uma daquelas receitas que inicialmente não me chamou de todo a atenção, só quando um dia destes decidi organizar o meu arquivo de receitas e revistas é que olhei bem para a receita e decidi que gostava de experimentar.
Quando finalmente arranjei tempo para experimentar, reparei que não tinha os ingredientes exactamente iguais... decidi arriscar e substituir por aquilo que tinha disponível.
Não costumo usar farinha tipo 55, então substitui pela que tenho sempre na despensa que é a tipo 65, também já não tinha iogurte natural e decidi usar um queijo fresco pequeno. E acabou por resultar lindamente!
É uma optima receita para um almoço leve em que basta acompanhar com uma salada, para um lanche ou até levar num passeio.




Ingredientes:
2 dentes de alho
25g azeite 
1 lata pequena de cogumelos laminados
70g alho-francês, em rodelas
Sal q.b.
Pimenta q.b
280g farinha tipo 65
1 queijo fresco Lacticínios do Paiva
50g óleo
2 ovos
1 c. chá fermento
1 c. sopa Segredos Alho e Salsa Margão
150g fiambre em cubos


Preparação:
- Coloque no copo o alho e o azeite, pique 5seg, Vel 5 e de seguida refogue 3min, Temp Varoma, Vel 1.
- Junte os cogumelos,  alho-francês, o sal e a pimenta e programe 5min, Temp Varoma, Vel Colher Inversa. Retire e reserve.
- Pré-aqueça o forno a 180º.
- Coloque no copo a farinha, o iogurte, o óleo, os ovos, o fermento, segredos alho e salsa, tempere com sal e pimenta, envolva 30seg, Vel 3.
- Adicione a mistura reservada de alho, fiambre, alho-francês e cogumelos, envolva 20seg, Vel 2.
- Encha formas de papel ou alumínio com a mistura e leve ao forno durante cerca de 20 minutos.



17 dezembro, 2014

Linguini Bloody Mary

A receita de hoje é perfeita para os apreciadores de massa, principalmente aqueles que gostam de massas rápidas e com ingredientes diferentes.
Confesso que mal vi esta receita no último livro que comprei do chef Gordon Ramsay soube que tinha de experimentar!
Uma receita de massa, diferente do habitual, simples e muito rápida, não sabia bem se iria gostar do resultado porque não costumo usar álcool em receitas deste género, mas como sou apreciadora de vodka não me importei de correr esse risco.
Adorei o resultado! Uma massa de sabor quente, descomplicada e que mesmo sem serem apreciadores de vodka, aposto que vão gostar.




Ingredientes:
Azeite q.b.
1 cebola roxa picada
2 dentes de alho picados
2 c. sopa de molho inglês
1 c. chá molho tabasco (opcional)
Sal q.b.
1 c. chá de açúcar
1 lata de tomate em pedaços
50ml vodka
400g linguini
Panko picante q.b.


Preparação:
- Aqueça o azeite numa frigideira, salteie a cebola até começar a dourar. Adicione o alho e deixe saltear um pouco mais.
- Tempere com o sal, molho inglês e tabasco e uma pitada de açúcar.
- Junte a vodka para dissolver os pedaços no fundo da frigideira e acrescente o tomate, deixe levantar fervura e cozinhe em lume brando por 12 minutos, até reduzir ligeiramente. Se necessário, pode acrescentar água se o molho engrossar demasiado.
- Entretanto, cozinhe a massa seguindo as instruções da embalagem. Quando esta estiver pronta, escorra e junte ao molho.
- Envolva bem, de seguida distribua a massa pelos pratos e por cima junte o panko picante.
- Sirva



Fonte - Receita adaptada do livro Comida Caseira

16 dezembro, 2014

Prova de Néctares Compal no Hotel Valverde

Desde 1952 que a marca Compal faz parte da vida dos portugueses, sempre presente com tradição e confiança. Hoje, tudo o que faz está assente nos pilares de Portugalidade, Frutologia e Naturalidade. 
Actualmente presente em mais de 60 países, leva além-fronteiras o melhor do que faz em Portugal. Especialista em trabalhar a fruta, fá-lo com mestria e pretende continuar a desenvolver os sumos e néctares mais deliciosos e nutritivos e sempre, sem corantes nem conservantes. Há mais de 60 anos, a celebrar a Frutologia em Portugal. 
Tive o prazer de receber um convite por parte da Compal para uma degustação de néctares da marca, seguido de um almoço no Hotel Valverde.


À medida que íamos provando os néctares, o enólogo Jorge Rosa Santos, foi-nos dando a conhecer as características únicas de cada fruta presente e especificidades das regiões de origem, bem como a relação próxima que a Compal mantém com os produtores e todo o processo de transformação.
Desde o clássico Pêra Rocha, que nasceu no Oeste e é o sabor que há mais tempo é comercializado pela marca, ao Laranja do Algarve feito com as mais sumarentas laranjas, passando pelo Cereja do Fundão e o Maracujá de Odemira ambos de edição limitada, doçura fresca e sabor único, entre outros néctares igualmente deliciosos.


Não conhecia este hotel, mas rapidamente percebi  porquê: ao que parece abriu apenas em Setembro. É um boutique hotel, o restaurante localiza-se no piso -1 e tem uma capacidade de cerca de 30 lugares, o ambiente é requintado e sofisticado, mas muito acolhedor. 
Parece-me excelente para um almoço de negócios ou um jantar romântico recatado, pelo que pude ver também tem um pátio muito bonito. O staff é relativamente jovem, mas bastante amáveis e eficientes.


A entrada foi um creme de alho-francês com amêndoa crocante, o creme estava muito bom, leve e de textura sedosa, bem temperado e de facto a amêndoa combinava muito bem.

Seguiu-se a garoupa com esmagada de batata e coentros com molho de ameijoas à bulhão pato. Achei que a garoupa estava perfeita,  desde o sabor à confecção, no entanto as ameijoas estavam frias e a esmagada tinha partes quentes e partes frias, pessoalmente pouco senti o sabor dos coentros.
Para finalizar, a brownie de chocolate com gelado de baunilha, tal como os pratos anteriores tinha uma apresentação bonita e delicada, estava muito saborosa ainda que pessoalmente a tenha achado ligeiramente cozida demais. 

15 dezembro, 2014

Sopa de cenoura e grão

Posso não ser a maior apreciadora de sopas, mas deve ser um dos alimentos mais reconfortantes que existem nesta altura do ano.
As noites têm estado tão frias, que aquilo que mais gosto é poder comer uma taça de sopa acabada de fazer, ainda fumegante e depois aninhar-me com as mantas (e os gatos) no sofá! Por isso, todas as semanas lá saí uma sopinha.
Gosto muito das sopas tipo creme, por exemplo de alho-francês ou courgette, mas também adoro sopas com grão ou feijão que acho mais saciantes principalmente nesta época.




Ingredientes:
1 lata de grão Compal da Horta
5 cenouras
1 courgette
1 alho-francês
1 cebola
50g azeite
1 caldo vegetal
Água q.b.
Cominhos em pó q.b. (opcional)


Preparação:
- Escorra o grão e arranje os vegetais, cortando-os em pedaços. Reserve.
- Coloque todos os ingredientes no copo da Bimby, junte alguma água de forma a cobrir os vegetais e programe 25 minutos, Temp 100º, Vel 1.
- Quando o tempo terminar, triture 1 min e vá progressivamente até à Vel 7.
- Sirva polvilhado com cominhos em pó ou coentros picados.




Fonte - Receita adaptada da revista Cozinha Económica nº 43

12 dezembro, 2014

Resultado passatempo Tescoma

Passatempo terminado!







E o vencedor do passatempo foi: Maria Morais Sarmento. 
Muitos parabéns! 


O vencedor já foi contacto por e-mail.
Muito obrigada a todos os que participaram!

Rossini

Hoje a receita é líquida, uma sugestão de bebida muito festiva e ideal para o Natal ou para a festa de fim de ano.
O cocktail Rossini elaborado com morangos, é uma adaptação do cocktail Bellini que é feito com pêssegos, originário de Veneza foi baptizado em homenagem ao famoso compositor de ópera Gioachino Rossini.
Para este tipo de bebidas, o gelo é indispensável! E por isso, decidi testar os sacos de cubos de gelo Vileda e realmente resultam: é só encher com a água, convém encher lentamente, depois virar o saco ao contrário e este fecha automaticamente sem verter uma gota, levar ao congelador... voilá, passado pouco tempo cubos de gelo prontos a usar! Cada saco permite fazer 24 cubos de gelo, como se soltam dentro do saco podem usar todos ou apenas alguns, e ocupa pouquíssimo espaço no congelador o que dá imenso jeito quando se tem convidados.




Ingredientes:
300g morangos, arranjados e em pedaços
2 c. sopa açúcar baunilhado Royal
Sumo de meio limão
1 garrafa de prosecco, champagne ou espumante

1 saco de cubos de gelo Cubimatic Freshmate Vileda


Preparação do gelo:
- Comece por fazer o gelo, encha cuidadosamente o saco com água e depois vire o saco ao contrário e o sistema de auto fecho funcionará de imediato, deixando o saco fechado. 
- Leve ao congelador e depois dos cubos de gelo se formarem, puxe o saco vertical e lateralmente até os mesmos se soltarem no interior do saco.



Preparação do cocktail:
- Coloque no copo da Bimby, os cubos de gelo, os morangos, o açúcar e o sumo e limão, programe 30seg, Vel 7.
- Opcionalmente, se não quiser as grainhas dos morangos, pode passar o puré por um passador fino.
- Distribua um pouco do puré de morangos por cada copo, deite o champagne e mexa com uma colher gentilmente.
- Sirva decorado a gosto.





Nota:
Utilizei morangos que congelei durante o Verão, pode usar morangos frescos ou congelados.
Em substituição da Bimby, use uma liquidificadora. 

11 dezembro, 2014

Sugestões de presentes de Natal

Todos os anos, mas ou menos por esta altura, faço um post com várias sugestões de prendas. Normalmente, essas sugestões recaem sempre nos cabazes de Natal, com miminhos que podem ser feitos por qualquer pessoa e depois oferecidos aos que mas gostamos.
Sejam cabazes de Natal ou não, gosto de tratar das prendas com bastante antecedência, se forem como eu óptimo, mas caso ainda não tenham tratado disso acho que já está na altura! Para ser algo diferente, este ano, decidi fazer um post com várias sugestões diferentes e para todos os bolsos.


Cabaz de Natal
Sal aromatizado
Mistura de especiarias ou ervas aromáticas
Pasta de pimento
Açúcar aromatizado
Bombons
Compotas
Licor
Bolachas
Gomas

Se querem oferecer um cabaz com vários produtos, mas não tem tempo ou falta jeito para a cozinha, várias lojas e mesmo supermercados já vendem cabazes gourmet.


Livros
Estejam atentos às promoções online! Este ano não pedi livros de culinária no sapatinho, mas aqui ficam algumas sugestões.
Nigelissima de Nigella Lawson
Comida Caseira de Gordon Ramsay
Boas Festas com a Bimby
Do Convento para a Bimby
500 receitas - Pratos sem glúten (vejam os outros livros da colecção)
Bolos na caneca
Donuts

Para mais sugestões de livros, cliquem no separador Livros e aqui.


Para os mais pequenos, para eles e para elas
Brinquedos didácticos (kits de ciência e construção), legos, puzzles, material de desenho e pintura, etc)
Material de desporto (ténis, bolas de futebol, basquetebol, etc, raquetes de ténis, patins, etc)
Workshops (existem de todos os temas e para todas as idades!)
Moldura
Plantas e flores
Agenda e caneta
Café e chá
Vinho
Electrónica (smartphone, tablet, leitor de mp3, gps, jogos de consola ou computador)
Jóias e relógios
Roupa, malas e calçado
Maquilhagem, perfumes e cosmética
Bilhetes para espectáculos
Livros e cd de música
Vouchers (existem de bares e restaurantes, escapadinhas, workshops, aventura e desporto, etc)

Se é daquelas pessoas que nunca sabe o que oferecer, várias lojas já disponibilizam cheques-prenda. É só escolher a loja, o valor e oferecer!

Slim rice de salmão e pimentos

Já a pensar nesta época que tem a tendência de ser de excessos a nível alimentar, hoje a receita é um pouco mais leve e saudável.
Eu escolhi usar o meu peixe preferido que é salmão, mas deve ficar igualmente saboroso com bacalhau ou tamboril, e assim como eu usei restos de pimentos que ainda tinha no frigorífico podem aproveitar para usar outros vegetais que tenham por casa e até tenham sobrado de outras receitas como cenoura ou courgette.
E mesmo que não tenham interesse numa receita mais light ou não sofram de qualquer tipo de intolerância o slim rice é uma excelente alternativa, pois fica pronto rapidamente!




Ingredientes:
2 lombos de salmão
Azeite q.b.
1 cebola
2 dentes de alho
1 folha de louro
½ pimento verde
½ pimento vermelho

1 embalagem de Slim Rice
50ml vinho branco
Aneto Margão q.b.
Sumo de meio limão 
Sal q.b.
Pimenta q.b.




Preparação:
- Tempere o salmão sal e pimenta, aneto e sumo de limão. reserve.
- Pique a cebola, o alho e os pimentos.
- Num tacho, deite o azeite e refogue a cebola, o alho e os pimentos durante cerca de 8 minutos.
- Junte o salmão, à medida que vai cozinhando desfaça com um garfo e deixe cozinhar mais alguns minutos.
- Retire o slim rice da embalagem, escorra e passe bem por água. Junte o slim rice, vinho e tempere com sal e pimenta. Deixe cozinhar em lume brando cerca de 10 minutos, até o slim rice incorporar todo o sabor.
- Sirva.


10 dezembro, 2014

Paté de queijo fresco

Eu adoro petiscos! Adoro quando se junta muita gente à mesa, a refeição se prolonga e o tempo passa enquanto se petisca e conversa.
Existem vários petiscos que adoro desde patés, ameijoas, moelas, pica-pau, e por aí fora. No departamento dos patés, gosto daqueles que normalmente toda a gente gosta como atum e delícias do mar, depois adoro pasta de azeitona preta e recentemente passei a gostar de paté de sardinha.
E como eu gosto de preparar sempre algo diferente quando tenho convidados (ou mesmo quando os convidados somos nós) no outro dia decidi testar uma receita já a pensar na época festiva.
Um paté diferente, leve e fresco, se podem personalizar com as ervas aromáticas e temperos que mais gostarem, muito económico e fica pronto em segundos.




Ingredientes:
300g queijo fresco Lacticínios do Paiva
2 c. sopa de maionese de ervas aromáticas
1 dente de alho
1 malagueta vermelha, fresca, sem sementes


Preparação:
- Coloque no copo o alho e a malagueta, pique 5seg, Vel 7.
- Junte o queijo fresco e a maionese e envolva 10seg, Vel 4.
- Sirva com bolachas e tostas.


09 dezembro, 2014

Apicius

A convite da Zomato para mais um foodie meetup tive o prazer de conhecer o Apicius, restaurante sobre o qual já tinha bastante curiosidade e constava da minha whislit. E a expectativa era alta já que o jantar era dedicado ao foie gras!



A localização pode não ser a mais central, mas é bastante acessível, tem um ambiente descontraído e recatado. Fomos recebidos com muita simpatia e um copo de espumante.




Começamos pelo couvert composto por pão de mafra e dois tipos de manteiga caseira, uma de amêndoa e outra de coentros e alho. A manteiga de amêndoa estava fantástica, com um sabor diferente e suave, muito cremosa, a manteiga de alho e coentros, também bastante saborosa e com um toque crocante da broa.
Seguiram-se então os foie gras, sempre acompanhados por um vinho diferente.



Primeiro, o foie gras "Au torchon" acompanhado por pão brioche torrado e especiarias. Uma excelente entrada, leve e saborosa, e que com as especiarias disponíveis na tábua permite personalizar o sabor a cada dentada.



Depois, veio o prato principal, um escalope de foie gras, com puré beterraba e crumble de cacao. Achei maravilhoso! Um escalope delicado, que se desfazia na boca, um puré de beterraba suave sem dar conta daquele sabor tão característico e o crumble de cacao que além de conferir textura, era uma pequena surpresa para o paladar.



Por fim, vem a sobremesa uma novidade total já que nem sequer consta da lista. 
Uma combinação de iogurte grego, foie gras, amêndoas e mel, tem um conceito interessante e quando se observa ninguém diria que tem foie gras. 
Foi o único prato que não gostei: ao provar exactamente como chega à mesa o sabor é demasiado intenso, tornando-se quase desagradável, ao misturar todos os elementos o sabor torna-se um pouco mais leve e é possível sentir as várias camadas de sabor, mas ainda assim não consegui terminar a sobremesa.


Concluindo: um restaurante com um restaurante diferente, que se pretende destacar pela inovação e que certamente irá trazer muitas surpresas! 

Ovos mexicanos no forno

Há certas receitas que quando olhamos para elas vamos literalmente a correr para  ccozinha fazê-las! 
Esta receita é uma delas, como se não bastasse ser uma receita com ovos, também é muito aromática e com um toque de especiarias, como uma receita inspirada em cozinha mexicana deve ter.
Podem pensar que é algo pesado, já que um dos ingredientes é feijão, mas sendo uma receita a pensar em várias pessoas, é reconfortante q.b sem exageros. Não sendo uma receita que me veja a fazer com frequência, é uma excelente ideia para um pequeno-almoço ou brunch diferente.




Ingredientes:
1 cebola roxa picada
Azeite q.b.
1 malagueta vermelha, sem sementes, picada
2 dentes de alho picados
1 c. chá cominhos em grão
1 lata de tomate
1 lata de feijão preto Compal da Horta, escorrida
4 a 6 tortilhas de milho
6 ovos
50g mozzarella
Flocos de malagueta q.b.
Folhas de coentros Margão  q.b.
Sal q.b.
Pimenta q.b.


Preparação:
- Pré-aqueça o forno a 180º.
- Numa frigideira, deite o azeite e junte a cebola, a malagueta e o alho, tempere com sal e pimenta, deixe saltear durante cerca de 5 minutos até que todos os ingredientes fiquem macios.
- Adicione os cominhos e deixe cozinhar até que libertem o seu aroma.
- Junte o tomate e deixe cozinhar por 5 minutos, depois adicione o feijão e cozinhe por mas 2 ou 3 minutos.
- Unte com azeite um tabuleiro de forno e forre com as tortilhas, sobrepondo-as e erguendo as extremidades acima das bordas da tabuleiro.
- Deite o preparado de tomate e feijão por cima das tortilhas, de seguida abra 6 pequenos buracos e deite um ovo em cada um deles.
- Espalhe por cima o queijo, tempere com os flocos de malagueta, sal e pimenta.
- Leve ao forno durante cerca de 8 minutos.
- Retire do forno, polvilhe com coentros e sirva.




Fonte - Receita adaptada do livro Comida Caseira

08 dezembro, 2014

Tagine de legumes e cuscuz

Para mim as especiarias e as ervas aromáticas são indispensáveis em muitos pratos que faço no dia-a-dia desde uma simples sopa a um caril exótico.
Quanto à comida vegetariana, e não é que tenha algo contra vegetais ou os substitutos da carne como tofu ou soja, simplesmente acho que na maioria das vezes tem pouco tempero ou sabor. Mas é bastante provável que a culpa seja do meu gosto pessoal e paladar, por isso tento sempre tornar a receita o mais apelativa possível.
A sugestão de hoje é reconfortante e bastante económica, podem sempre usar sobras de outros vegetais, no caso de quererem adicionar carne recomendo que sirvam o cuscuz simples.




Ingredientes:
50g azeite
1 cebola picada
2 dentes de alho picados
1 c. chá pasta de harissa (opcional)
2 c. chá de coentros em pó
2 c. chá cominhos em pó
1 c. chá de canela
1 lata de grão Compal da Horta, escorrida
1 lata de tomate em pedaços
400ml caldo de legumes vegetal
1 courgette em pedaços
2 cenouras em rodelas
250g cogumelos, cortados
100g alperces secos
150g cuscuz
Folhas de coentros Margão q.b.
Sal q.b.
Pimenta q.b



Preparação:
- Aqueça o azeite num tacho, junte a cebolha, o alho, a harrisa e as especiarias, refogue em lume médio durante cerca de 5 minutos.
- Junte a courgette e a cenoura, salteie e envolva. Tape e deixe cozinhar durante cerca de 10 minutos.
- Adicione os cogumelos, o grão e os alperces e deixe cozinhar destapado em lume brando por mais 10 minutos.
- Junte o caldo de legumes, os coentros e o cuscuz, envolva bem e deixe cozinhar durante alguns minutos até que o cuscuz absorva o caldo. Rectifique os temperos.
- Sirva.


Fonte - Receita inspirada do livro 200 receitas Cozinha vegetariana

05 dezembro, 2014

Bacalhau à lagareiro

Um dos meus pratos preferidos de polvo é polvo à lagareiro, adoro a combinação de alho e coentros com um bom azeite sempre acompanhado de uma batata assada tão gulosa!
Já por várias vezes tenho visto em ementas de restaurantes bacalhau à lagareiro, pareceu-me uma excelente ideia e além disso com a aproximação do Natal é uma deliciosa sugestão para a vossa ementa, assim como pode ser uma alternativa para quem não é um grande apreciados do tradicional bacalhau cozido.
E se por acaso, alguém na família não gostar de coentros, têm 2 hipóteses: ou fazem num pyrex pequeno à parte o bacalhau apenas para essa pessoa, apenas com alho e azeite ou então fazem a totalidade da receita dessa forma e depois à mesa quem quiser junta os coentros.




Ingredientes:
2 embalagens de supremas de bacalhau
1kg de batata para assar
5 dentes de alho picados
20g coentros picados
50g azeite
Sal q.b.

Para acompanhar este prato recomendo Reserva de Monte Seis Reis


Preparação:
- Aqueça o forno a 180º
- Lave bem as batatas, seque-as e coloque-as num tabuleiro ou pyrex de ir ao forno polvilhadas com bastante sal grosso, leve ao forno durante cerca de 30 a 40 minutos.
Enquanto isso, pique os alhos e os coentros, coloque-os numa taça e adicione o azeite, envolva e reserve.
- Retire as batatas do forno e dê um murro em cada uma.
- Volte a colocar as batatas no tabuleiro, junte o bacalhau e por cima espalhe o preparado de alho, coentros e azeite. Caso ache necessário, deite mais um fio de azeite por cima.
- Leve ao forno por mais 15 minutos.


04 dezembro, 2014

Penne com chouriço e paprika

A receita do dia, é rápida, muito simples de fazer e deliciosa,  por isso é perfeita para ser feita em qualquer dia, mesmo nos mais preenchidos ou complicados.
Quem assim quiser, pode usar esta receita como uma espécie de base, já que pode sempre adicionar mais alguns ingredientes a seu gosto: cogumelos, legumes ou camarão, e ter sempre algo diferente à hora da refeição.
E se tem por hábito levar marmita com o almoço para o trabalho, então aqui está uma excelente aposta!




Ingredientes:
20g azeite 
1 chouriço, em cubos
1 cebola picada
2 dentes de alho picados
2 c. chá paprika Margão
2 c. chá oregãos
Uma pitada de açúcar
150g pimento assado, cortado em tiras
1 lata de tomate em pedaços
350g massa tipo penne
Sal q.b.
Pimenta q.b
Parmesão ralado q.b.


Preparação:
- Aqueça o azeite numa frigideira e frite o chouriço por 2 a 3 minutos, até ficar dourado.
- Junte a cebola e o alho, deixe saltear durante cerca de 5 minutos. Depois, adicione a paprika e deixe por mais um minutos.
- Acrescente os oregãos, o açúcar, o pimento vermelho e o tomate. Deixe levantar fervura, reduza o lume e deixe cozer lentamente durante 12 a 15 minutos.
- Entretanto, coza a massa seguindo as instruções na embalagem.
- Escorra e misture com o molho de chouriço, por cima polvilhe com o parmesão ralado.




Fonte - Receita adaptada do livro 200 receitas Cozinha fácil

03 dezembro, 2014

Lacticínios Paiva

Há algum tempo que o blog mantém parceria com os Lacticínios do Paiva uma empresa agro-alimentar portuguesa especializada em lacticínios e derivados.
Não só tem uma grande variedade de produtos disponível, como também tem queijos sem lactose a pensar naqueles que sofrem de intolerância. E alimentando esta minha obsessão por queijo, na semana passada recebi um verdadeiro carregamento de queijos deliciosos! 

Para saber mais sobre esta empresa, visitem o site.