22 outubro, 2020

Escapadinha por Mafra

O Verão terminou, e com os dias mais frios não há como negar a chegada do Outono, mas nada melhor do que uma escapadinha para sair da rotina.
Tão próximo de Lisboa, a menos de 1 hora de distância, Mafra é uma terra de tradições saloias com muito para descobrir. Ideal para passear em família ou para um programa romântico a dois, poderá encontrar bons sabores, tanto do mar como da terra, e há muito para descobrir como o Palácio e o Convento de Mafra, a Tapada Nacional, e as belas vilas de Mafra e Ericeira, sem esquecer as praias da vila da Ericeira.







Construído no século XVIII, o Palácio Nacional de Mafra é um dos mais incríveis palácios portugueses e o mais importante monumento barroco do país. É composto pelo Paço Real, pela Basílica e pelo Convento, um conjunto monumental com 1200 divisões e 4700 portas e janelas.
Foi a história relacionada com a construção deste palácio e com a população local que inspirou José Saramago na escrita do “Memorial do Convento”, uma das suas mais conhecidas obras.
De todas, a mais fascinante é, provavelmente, a Biblioteca, uma das mais bonitas e importantes do Mundo, que guarda cerca de 40 mil livros arrumados e alinhados nas estantes em estilo rococó.

A Tapada Nacional de Mafra foi construída no reinado de D. João V após a construção Convento de Mafra. A Tapada Nacional de Mafra ocupa um espaço de 819 hectares quase todos preenchidos por floresta onde vivem em liberdade várias espécies vegetais e animais como veados, javalis, gamos e muitos outros entre anfíbios, répteis, mamíferos e aves.


Na pequena localidade do Sobreiro, entre a Ericeira e Mafra, encontramos Aldeia Típica de José Franco a recriação de uma aldeia típica portuguesa, construída nos anos 60. 
A história da pequena aldeia remonta ao nascimento do oleiro José Franco, em 1920. O seu pai era sapateiro e a mãe, vendedeira de loiça, fazendo a venda de barros de porta em porta.
Em modo de homenagem à sua terra e às suas memórias, o oleiro José Franco reconstruiu tudo o que caracteriza uma aldeia, mas em ponto mais pequeno.

A Aldeia da Mata Pequena é uma típica aldeia saloia, situada nos arredores de Mafra. 
Recuperada para o turismo, é composta por uma dúzia de casinhas, todas diferentes, onde se pode descansar e aproveitar a tranquilidade da região. Tem uma pequena quintinha com animais.



As praias fazem a fama da Ericeira, mas esta vila piscatória encantadora tem muito mais para conhecer. 
Vale a pena perder-se pelas ruas estreitas e labirínticas, visitar a Praia dos Pescadores, o Parque de Santa Marta, mesmo em frente ao mar, as inúmeras igrejas espalhadas pela vila e é também uma excelente oportunidade para saborear os variados pratos de marisco e peixe fresco, especialidade gastronómica da região.


Sem comentários:

Publicar um comentário